Hoje em dia, com a evolução da medicina estética, todos esses problemas podem ser facilmente combatidos com alguns tratamentos estéticos pós-parto. “Geralmente, após um mês do nascimento os tratamentos podem ser iniciados. Há casos onde o encaminhamento pode ocorrer até a partir dos quinze ou vinte dias”, diz a médica com pós-graduada em dermatologia Silvia Takakuwa, da Clínica Medical Laser.
No entanto, a especialista alerta para os cuidados que se deve ter ao escolher o tratamento, principalmente no período de amamentação, pois o uso de produtos ou massagens pode acabar afetando o leite materno.. “O mais indicado é que a mulher aguarde o primeiro mês em casa. Neste período ela já vai perder peso com a amamentação e eliminação da retenção de líquido e gordura. Mas se a mamãe for mais impaciente, pode começar por uma drenagem linfática, que ajuda a desinchar”, recomenda Silvia Takakuwa.
O mas importante é nunca iniciar qualquer tratamento sem antes consultar um especialista, de preferência sua ginecologista e obstetra. O pós-parto é uma fase bem delicada, onde o corpo precisa estar totalmente natural. “Depois que estiver liberada pelo médico, então você pode procurar pelos tratamentos que vão te ajudar a amenizar os efeitos da gravidez”, diz Sílvia.
Mas você sabe quais são os principais tratamentos que o mercado oferece que garantem a recuperação de seu corpo e do viço da pele após a gravidez? A médica Sílvia Takakuwa revela quais são eles:
• Massagem Modeladora
Indicação e Benefícios – Essa massagem funciona como uma minilipo manual. “Em curto prazo, quando aliada a uma vida saudável e não sedentária, consegue detonar aquelas gordurinhas insistentes que se acumulam na barriga e nos quadris”, afirma a médica. Se o parto tiver sido normal, a massagem modeladora pode ser feita até um mês após o parto. Em caso de cesariana, a recomendação é esperar ao menos três meses.
Quantidade de Sessões – Em média, são necessárias de dez a 20 sessões, duas a três vezes por semana.
• Power Shape
Indicação e Benefícios – O aparelho combina três tecnologias diferentes para ajudar no tratamento da gordura localizada. Utilizando endermologia, radiofrequência e lipolaser, o Powershape faz com que o laser penetre até a camada de gordura, diminuindo as células “gordinhas”. Ao mesmo tempo, estimula a produção de fibras de colágeno que garantem a firmeza da pele.
Quantidade de Sessões – A partir de oito sessões, uma vez por semana.
• Laser CO2 Fracionado
Indicação e Benefícios – Focado no estímulo de produção de colágeno, o laser leva a um processo inflamatório local que estimula a formação de elastina e colágeno. “Este tratamento é um pouco mais invasivo que outros métodos, mas a recuperação é rápida. Muito bem indicado para tratamento de estrias gravídicas, principalmente quando ainda estão vermelhas. No entanto, não é indicado tratar estrias da mama durante o período de amamentação” , alerta Sílvia.
Quantidade de sessões – Em geral, são necessárias cinco sessões para obter resultados satisfatórios.
• Drenagem linfática
Indicação e Benefícios – É um dos poucos procedimentos que podem ser feito durante toda a gravidez e também logo depois dela para eliminar as toxinas do corpo e oxigenar os tecidos. Ajuda a reduzir a retenção de líquidos no corpo e a diminuir os inchaços. Devolve a elasticidade da pele e estimula o sistema imunológico
Quantidade de sessões – Recomenda-se no mínimo a realização de dez sessões para um resultado efetivo. Mas, na primeira sessão, pode-se observar melhora visível no inchaço e na circulação.
• Limpeza de pele
Indicação e Benefícios – Algumas mulheres notam um aumento da oleosidade da pele e surgimento de acne, principalmente no primeiro trimestre. O tratamento remove as impurezas da pele e promove a limpeza dos poros para que a pele possa respirar e renovar suas células. “A limpeza de pele não apresenta contraindicações para gestantes, a não ser quanto ao uso de alguns ácidos”, diz a especialista.
Quantidade de Sessões – Uma única sessão é suficiente para a limpeza facial e pode ser repetida mensalmente.
• Peeling de diamante
Indicação e Benefícios- É realizado com um aparelho que possibilita uma abrasão leve à moderada para a retirada de tecido morto, a paciente pode retomar suas atividades logo após a realização do procedimento. Ajuda a combater as estrias, típicas do pós-parto. “Pode ser utilizado durante a gravidez, pois não são utilizadas substâncias que podem ser absorvidas pela pele, ele é um peeling mecânico”, justifica Silvia Takakuwa.
Quantidade de Sessões – Após a avaliação da paciente, determina-se o número de sessões de Peeling de Diamante necessárias, que pode variar de três a 10, e o intervalo entre elas.
• Hidratação com Fios de Seda
Indicação e Benefícios – É um tratamento estético que utiliza uma técnica de regeneração e fortalecimento dos tecidos através das fibras naturais da seda. Perfeito para peles que sofreram os efeitos dos hormônios na gravidez. Os aminoácidos da seda, que são retirados dos casulos do bicho-da-seda, são responsáveis por uma hidratação mais intensa e profunda da derme e pela reposição de algumas proteínas importantes por manter o viço e a firmeza.
Quantidade de Sessões – O ideal é de 5 a 10 sessões.

Fonte- Dra. Silvia Takakuwa, médica com pós-graduação em dermatologia, da clínica Medical Laser.