• 28 OUT 16
    • 0

    Depilação a Laser – Entenda como ela funciona

    Fonte: http://cabeleireiros.com/noticias/depilacao-a-laser-entenda-como-ela-funciona

    A estação mais fria do ano é também a melhor época para dar fim aos indesejados pelos das pernas com a ajuda da depilação a laser. A explicação é simples: com as baixas temperaturas, as pessoas usam mais roupas e tendem a ficar menos expostas aos raios solares, o que é indispensável para a recuperação da pele após os procedimentos.

    “A pele não bronzeada é a ideal para a aplicação do laser. Quanto maior a diferença da cor da pele e dos pelos, mais eficiente pode ser a sessão, por isso uma pele livre do bronzeado diminui significativamente o risco de manchas”, explica a médica Dra. Silvia Takakuwa, da clínica Medical Laser.

    Não é à toa que a procura pelo procedimento cresce 60% neste período do ano. Quem deseja se submeter ao método de depilação a laser precisa evitar o sol por aproximadamente duas semanas antes do tratamento e até um mês depois do procedimento, tornando o inverno a época ideal para a aplicação.

    O laser produz um feixe de luz de alta energia, e esta luz emitida é absorvida pelo pigmento localizado na raiz do pelo, neutralizando a raiz e impedindo-o de crescer. “A aplicação necessita de certo numero de sessões, que possui um intervalo médio entre 30 e 45 dias. Começando o tratamento no inverno, o resultado será muito satisfatório no verão, época em que todos desejam exibir mais seus corpos lisinhos, livres dos indesejados pelos”, diz Dra. Silvia.

    Por que é melhor?

    A depilação a laser configura-se hoje como a arma mais efetiva para combater aqueles pelos indesejáveis que insistem em perseguir as mulheres. O laser tem a capacidade de eliminar cerca de 20% dos pelos a cada sessão, sendo possível bloquear uma boa parte do seu crescimento até o final do tratamento.

    Isso significa que você já pode dar um “fim” nas ceras, lâminas, aparelhos elétricos e cremes depilatórios. “Além de serem removidos gradativamente, como os pelos têm fases diferentes de crescimento, durante o tratamento, ele pode ser, ou não, atingindo. Por isso, cinco sessões são ideais para poder garantir um efeito mais duradouro e adequado para uma pele lisa sem pelos”, sugere a especialista.

    No entanto, o tempo completo para o tratamento depende de diversos fatores como a região do corpo a ser depilada, o tipo de laser empregado, a produção de hormônios, a cor da pele e o tipo de pelo. O número de sessões pode variar de 5 a 10, e em alguns casos é necessário fazer até 20 sessões para obter uma redução permanente satisfatória.

    “O fototipo, a região tratada e a quantidade de pelos, assim como os distúrbios hormonais, podem influenciar na eficiência e na velocidade do tratamento de depilação a laser. Normalmente, os melhores resultados são em algumas áreas do corpo como a virilha e axilas, onde os pelos são mais grossos e escuros. Já na face, por exemplo, onde eles são mais finos e claros, é necessário um tempo maior”, diz a médica.

    Descubra qual é o seu fototipo

    Para realizar a depilação a laser feminina é preciso saber qual o seu fototipo, que é a classificação da sensibilidade da pele. Confira:

    1 – Branca: queima com facilidade, nunca bronzeia – Muito sensível
    2 – Branca: queima com facilidade, bronzeia muito pouco – Sensível
    3 – Morena Clara: queima moderadamente, bronzeia moderadamente – Normal
    4 – Morena Moderada: queima pouco, bronzeia com facilidade – Normal
    5 – Morena Escura: queima raramente, bronzeia pouco – Pouco sensível
    6 – Negra: nunca queima, totalmente pigmentada – Insensível

    A Dra. Silvia explica que a definição do tipo de pele é muito importante porque é a partir desta definição que o laser poderá ser ajustado para uma depilação perfeita sem causar danos à pele. “Para as pessoas dos tipos 1, 2 ou 3, a depilação a laser traz um resultado bem positivo, pois normalmente possuem a pele mais clara o que facilita a remoção dos pelos. Para as pessoas de pele mais escura, o tratamento também traz um resultado positivo, porém, estes tipos exigem mais sessões”, esclarece.

    Mais informações:
    Clínica Medical Laser
    www.medicallaser.com.br

    Leave a reply →